Férias de Verão – parte III – Urgência no hospital

ferias III

Bem… Faz parte, não é?

Felizmente o Francisco é uma criança super saudável e até agora não apanhámos sustos com ele, nem tivemos de recorrer a médicos sem ser para as consultas de rotina. Mas há sempre uma primeira vez, e qual a melhor altura para se estrear nas urgências de um hospital se não no primeiro dia de férias.

Ao fim de um dia de passeio e praia, reparámos que o Francisco se queixava de um dos ouvidos quando lhe tocávamos. No dia anterior já andava um pouco choroso e rabugento, mas pensávamos que estava a estranhar a casa e o ambiente desconhecido. Quando olhámos com uma atenção extra para o dito ouvido e reparámos que estava inchado, apercebemo-nos que era mais qualquer coisa. Paragem seguinte: urgências. Fizemos nós senão bem. O Francisco foi muito bem atendido e diagnosticado com uma otite em fase inicial. A receita foi antibiótico, amor e carinho, e por ser fase inicial teve liberdade para continuar a aproveitar praia e piscina nas férias, desde que tivéssemos os devidos cuidados. No dia seguinte já havia mais sorrisos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s